Campanha de Alckmin é ‘terra arrasada’ no Nordeste

Com cerca de 4% de intenções de voto no Nordeste, Geraldo Alckmin tenta uma cartada para reduzir a derrota; os diretórios estaduais do PSDB e do DEM vão funcionar como comitês regionais para que o nome do tucano circule e assim minimizar a recaída de aliados pela candidatura petista; o problema é que os partidos do Centrão foram liberados para formar coligações locais e estão em outros palanques.

Os diretórios estaduais do PSDB e do DEM vão funcionar até outubro como comitês regionais de Geraldo Alckmin. A nova e desesperada estratégia é para coordenar e supervisionar o trabalho dos demais partidos que formam a coligação, especialmente, e principalmente, no Nordeste.

Intenção é criar uma “retaguarda” para garantir que o nome do tucano circule nos Estados e evitar a recaída pelo ex-presidente Lula, ou os efeitos das chamadas “traições” regionais. No Nordeste, em particular, o PT tem força e o tucano alcança apenas 4% das intenções de votos, de acordo com reportagem de Yuri Silva e Kleber Nunes, no Estado de S.Paulo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s