Haddad reclama da “receita” criada pelo PT

A disputa entre Jair Bolsonaro e Fernando Haddad na propaganda eleitoral virou um vale tudo, numa luta sem regras em que um tenta destruir o outro. A campanha de cada um deles atribui a beligerância desmedida ao adversário.

É a expressão televisiva, em horário nobre, da briga de rua que vinha sendo travada nas redes sociais.
As vozes identificadas com o petismo atribuem esse festival de caneladas a apoiadores de Bolsonaro, aqui no Brasil ou alhures. Insinuam até uma parceira com a turma do jogo sujo que ajudou a eleger Donald Trump. Por essa ótica, o PT é vítima de golpes baixos sem precedentes em outras campanhas eleitorais.

O golpe maior contra o PT e Lula foi dado em 1989 pela campanha de Fernando Collor, uma baixaria de tal amplitude que depois tornou inexplicável futuras parcerias entre Lula e Collor. Ao passar do tempo, o PT ficou cascudo. O que antes eram adversários, alguns tratados como inimigos, viraram aliados. Paulo Maluf, José Sarney, Renan Calheiros, Jader Barbalho e muitos outros passaram a navegar no mesmo barco.

A esse dom de redimir adversários, de acordo com as necessidades, seguiu o mesmo talento de demonizar aliados e parceiros em outras ocasiões. O PT foi o primeiro partido, em eleição presidencial, a montar uma equipe para detonar adversários nas redes sociais. Ao reclamarem hoje dos ataques em que virou alvo, o PT esquece de sua tropa de choque montada por Franklin Martins para atuar na internet em outras campanhas eleitorais.

O PT tenta posar de vítima também na agressiva propaganda eleitoral de Bolsonaro. Ali, eles vem trocando rasteiras e pontapés, espetáculo feio, mas com o mesmo espaço no ringue. Diferente de 2014 quando a equipe de João Santana, paga a preço de ouro pela campanha de Dilma Rousseff, estraçalhou Marina que não tinha dinheiro nem tempo de tevê para se defender.

A turma de Bolsonaro entrou nesse jogo para brigar, detonar o adversário petista, não está nem aí para regras de combate. Querem vencer e destruir o PT e assemelhados.

Nessa campanha em que parece ter perdido o rumo, o PT se sente incomodado com esse veneno que vem causando um grande estrago. Esquece que é o mesmo veneno que vinha disseminando contra adversários e até aliados. Marina, Ciro Gomes e outros que o digam.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s