Forças armadas em sintonia com Bolsonaro

Futuro chefe do Gabinete de Segurança Institucional, o general Augusto Heleno demonstrou estar muito à vontade nas visitas que Jair Bolsonaro (PSL) fez aos tribunais superiores na semana passada. Talvez por ter uma filha advogada conheça bem os meandros do Judiciário. O militar também tem participação decisiva na composição do alto escalão federal e no grupo de transição. Sua equipe faz uma varredura na vida dos indicados. O deputado Alberto Lupion (DEM-PR) teria sido um dos indicados que não conseguiu uma função gratificada, em função da acusação de receber Caixa 2 da Odebrecht, nas eleições de 2010 e 2012.

Forças Armadas
Governo colegiado

Antes de escolher o general Fernando Azevedo e Silva para o Ministério da Defesa, o presidente eleito Jair Bolsonaro tomou uma decisão que evidencia uma mudança na forma de atuação das Forças Armadas. Suas audiências com o chefe da Defesa terão a participação dos comandantes da Aeronáutica, Exército e Marinha. Aliás, Bolsonaro quer os três comandantes militares na foto oficial de sua posse, ao lado do ministério.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s