O futebol pernambucano vê o exemplo do CSA

Apenas três anos bastaram para o CSA mudar de patamar no futebol brasileiro. Vice-campeão da Série D em 2016, campeão da Série C, em 2017, e carimbou o acesso para a Série A neste sábado, com uma goleada por 4 a 0 sobre o Juventude. Arrancada marcante. Foi a primeira vez que um clube tem três acesso seguidos no país.

Chapecoense, Joinville e Santa Cruz traçaram a mesma rota, porém em maior tempo. Levaram cinco anos para sair da Série D até chegar à Primeira Divisão.

Na trajetória, Joinville e Santa foram campeões da Série C. O clube catarinense também ganhou a Série B. O título da Série C foi o primeiro nacional do CSA, a taça mais importante do clube.

Da Série D para a Série A

O peso da arrancada do CSA aumenta com o histórico recente na década. Em 2010, o clube estava na Segunda Divisão do Alagoano. Ficou três anos (2011, 2014 e 2015) fora de divisão nacional, na disputa apenas do estadual.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s