Após 41 anos viajando, sonda chega ao espaço interestelar

Quatro décadas depois, 41 anos de viagem pelo sistema solar, a sonda Voyager 2 chegou a uma zona do espaço onde o vento solar já não sopra, a 18 bilhões de quilômetros da Terra, informou a Nasa nesta segunda-feira.

A esta distância extraordinária, cada mensagem da Voyager 2 demora 16 horas e meia para chegar à Terra, enquanto, por exemplo, o tempo de comunicação à velocidade da luz com Marte é de apenas oito minutos.

A grande notícia desta segunda-feira é a confirmação de que a Voyager 2 saiu da heliosfera, a bolha protetora de partículas e de campos magnéticos criados pelo sol, e que já atravessou a heliopausa, o limite além do qual o vento solar não chega.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s