PF faz buscas em endereços de advogado do esfaqueador de Bolsonaro

A investigação sobre a tentativa de homicídio contra o então candidato Jair Bolsonaro toma novos rumos nesta sexta-feira (21). O cerco está se fechando.

A Polícia Federal lançou uma operação de busca e apreensão na manhã desta sexta nos endereços de Zanone Manuel de Oliveira Júnior, um dos advogados de Adélio Bispo de Oliveira, o extremista de esquerda que tentou matar Jair Bolsonaro.

O ataque contra Bolsonaro aconteceu durante um comício na cidade de Juiz de Fora, interior de Minas Gerais, no dia 6 de setembro.

Apesar do inquérito inicial da PF ter concluído que Adélio agiu sozinho, uma outra linha de investigação analisa a estranha relação dos advogados do esfaqueador com o caso.

Segundo o delegado Rodrigo Morais, que coordena as investigações da PF, o objetivo da operação desta sexta-feira (21), que ocorre em Belo Horizonte, é tentar identificar quem estaria financiando a defesa do esfaqueador de Bolsonaro, registra o “G1“.

Dias atrás, o advogado Zanone Júnior criticou o interesse da imprensa em descobrir quem são as pessoas que estão financiando a defesa do esfaqueador de Bolsonaro, conforme noticiou a Renova.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s