Governo ilegítimo: Paraguai rompe com Venezuela

O anúncio foi feito pelo presidente paraguaio logo após Nicolás Maduro tomar posse de um segundo “mandato presidencial” na Venezuela.

O governo do Paraguai anunciou na tarde desta quinta-feira (10) que rompeu suas relações com a ditadura da Venezuela.

O anúncio foi feito pelo presidente Mario Abdo Benítez logo após Nicolás Maduro tomar posse de um segundo “mandato presidencial”, que foi classificado por várias nações como fruto de uma eleição fraudulenta.

A ruptura envolve o fechamento da embaixada do Paraguai em Caracas e a retirada imediata dos diplomatas, registra o “G1“.

Em declaração no Palácio do Governo, Benítez lembrou que, como membro do Grupo de Lima, o Paraguai não reconhece o resultado da última eleição na Venezuela, “de um processo eleitoral ilegítimo”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s