Bolsonaro declara professora Heley de Abreu heroína nacional

Heley de Abreu Silva Batista morreu em outubro de 2017 ao salvar vários alunos de sua creche que foi incendiada por um ex funcionário.

Em reunião com ministros, o presidente Bolsonaro assinou uma declaração oficial, que condecora a professora Heley como heroína nacional.

Emocionado, Bolsonaro elogiou a conduta da professora, que deu sua própria vida para salvar as crianças de sua creche.

“Hoje, como Presidente da República, declaro, através deste documento, o título de Heroína Nacional à professora Heley de Abreu, uma verdadeira mulher empoderada que sacrificou sua vida para salvar aquelas crianças. Que Deus lhe guarde embaixo de suas asas.” Disse o presidente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s