Cid Gomes pode ser o algoz de Renan

Cid Gomes articula ‘novo centrão’ no Senado com possibilidade de unir até 50 parlamentares

12 partidos são abordados pelo senador do PDT para compor maioria; o novo ‘Centrão’ do Senado pode apresentar candidato para a presidência da Casa

Com o discurso de maior “independência” em relação ao governo de Jair Bolsonaro, o senador Cid Gomes(PDT) trabalha para formar um grande grupo de partidos no Senado, nos moldes do que foi o Centrão na Câmara. Sua intenção é juntar 12 partidos e uma maioria de 50 senadores em um único bloco ainda antes da eleição interna, em 1º de fevereiro. A ideia é aproveitar a força do grupo para propor mudanças e permitir maior distribuição de poderes da presidência da Casa e na Mesa Diretora.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s