Lindbergh Farias tem direitos políticos suspensos

O petista levou novo revés no processo que é acusado de promoção pessoal em distribuição de leite, quando ele era prefeito de Nova Iguaçu.

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro manteve a condenação do ex-senador Lindbergh Farias (PT-RJ) pela distribuição de leite à população acompanhada de um material considerado pela justiça de promoção pessoal. O caso aconteceu quando ele era prefeito de Nova Iguaçu.

Lindbergh já havia sido condenado em primeira instância no processo que tramitou na Comarca de Nova Iguaçu, mas recorreu à segunda instância.

Como não foi reeleito e não cumpre qualquer mandato no Congresso Nacional, o ex-senador não possui foro privilegiado.

Graças à condenação, os direitos políticos de Lindbergh foram suspensos por quatro anos. A decisão é da juíza do Rio de Janeiro, Nathalia Calil Miguel Magluta, registra o IG.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s