Daniel Coelho, diz que agenda socialista fracassou

Neste sábado, em congresso do partido, o PPS aprovou a mudança de nome para Cidadania e lançou uma nova carta de princípios.

O líder do partido na Câmara, Daniel Coelho (PE), afirma que o Cidadania não pretende apagar a origem comunista do PPS, mas abraçar agora novas posições.

Em entrevista ao Congresso em Foco, o parlamentar afirmou:

“Temos a nossa história. O PPS reconheceu que a agenda socialista e comunista fracassou do ponto de vista econômico e olhamos para frente. Defendemos teto de gastos, reforma trabalhista e da Previdência, a agenda econômica conectada ao mundo atual. Caminhamos para o centro, mas temos parlamentares de centro-esquerda e centro-direita.”

O PPS se junta a outras legendas que excluíram a palavra partido de suas denominações:

  • PP virou Progressistas;
  • DEM é o antigo PFL);
  • Podemos era PTN;
  • Patriota se chamava PEN;
  • Democracia Cristã é o antigo PDC;
  • Avante era nomeado PTdoB;
  • MDB voltou ao nome original após décadas de PMDB.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s