Veja porque a CPI Lava Toga é necessária

Por que os tribunais superiores devem ser investigados?

Veja as respostas do autor do pedido de criação da CPI da Lava Toga, investigação que promete fazer uma devassa no Judiciário:

“Basicamente porque eles não têm transparência nem dão explicação para uma série de denúncias que escutamos há anos.”

E mais:

“É uma demanda que está enraizada na sociedade. É o único poder que não foi tocado ainda. Executivo e Legislativo já foram. Agora é a hora do Judiciário..”

Delegado licenciado, senador da República, Alessandro Vieira se diz disposto a levar a luta para criar a CPI da Lava Toga até o fim.

E garante que há chances de a investigação vingar.

Vieira falou muito mais na entrevista à Crusoé.

Inclusive, sobre as pressões sofridas pelos senadores para que retirassem seus nomes da lista de apoio à CPI.

É um relato impactante.

São palavras de alguém que está no olho do furacão.

No centro do poder.

Somente o jornalismo independente é capaz de oferecer a você, leitor, o panorama político de Brasília.

É isso o que os leitores da Crusoé encontram todos os dias quando abrem o site pela manhã.

E também às sextas-feiras, quando é publicada a Edição da Semana da Crusoé, com reportagens de fôlego que trazem revelações sobre o poder e os poderosos.

É preciso um jornalismo independente para fiscalizar os poderosos e impedir que eles façam o que bem entendem com o dinheiro do imposto que você paga.

A Revista Crusoé está pronta para denunciar o que for preciso, sempre em benefício de seus leitores.

Como a reportagem que revelouque uma das linhas de investigação da Polícia Federal sobre o atentado a Jair Bolsonaro apontava para o Primeiro Comando da Capital, a maior facção criminosa do país. Advogados que defenderam Adélio Bispo de Oliveira, o autor da facada em Bolsonaro, ficaram sob a lupa das autoridades.

A Crusoé também jogou luz sobre a vida luxuosa dos filhos de Lula. Os negócios da prole do presidente preso por corrupção e lavagem de dinheiro foram tema de uma extensa reportagem logo na edição de estreia da revista.

E mais:

  • Na edição do dia 1º de junho de 2018, revelamos que o então presidente da Petrobras, Pedro Parente, mantinha sociedade com empresas que tinham negócios com a estatal.
  • Já na edição de 18 de maio de 2018, revelamos que a PF reunira indícios de que a petista Gleisi Hoffmann havia recebido R$ 5,3 milhões em recursos ilegais.
  • No início de 2019, revelamos um plano de Cuba para ajudar Dilma a se reeleger em 2014. O plano teve a participação ativa dos profissionais cubanos do programa Mais Médicos, que atuavam como cabos eleitorais da petista.

Fatos não faltam…

E é preciso fiscalizar, porque…

É a segurança, a saúde e a educação da sua família que estão em jogo.

Você quer que esses políticos sejam fiscalizados?

Você quer saber o que é feito às escondidas?

Você quer fiscalizar a reforma da Previdência?

Você quer que os governantes trabalhem pelo bem de sua família?

A melhor forma de brigar por tudo isso é acompanhar diariamente um jornalismo independente e sem rabo preso com políticos e governos.

Chega de ser enganado por políticos “espertos”.

Basta de meias verdades.

Chega de histórias mal contadas sobre ações que na verdade prejudicam a sua vida e a de outras milhões de pessoas.

A Crusoé mostra de forma detalhada o que acontece por trás das principais notícias da semana.

Porque essa é a única forma de você se prevenir do jogo do poder.

Com a Crusoé, você descobre em quem confiar e, principalmente, em quem não confiar no mundo da política.

E é por esse motivo que estamos convidando você a fazer parte do grupo de brasileiros que deseja ficar do lado da verdade.

A Crusoé foi criada em 2018 pelos jornalistas Diogo Mainardi e Mario Sabino com o propósito de mostrar para você o que acontece pelos cantos de Brasília, trazendo a verdade à tona ─ doa a quem doer.

Um princípio fundamental da Crusoé é não aceitar anúncios de nenhum órgão ou poder público.

Isso significa que não recebemos dinheiro de nenhum governo(federal, estadual ou municipal), tampouco dos Poderes Legislativo ou Judiciário.

Também não aceitamos recursos de empresas estatais ou qualquer organização bancada com recursos públicos. E nem de empresas privadas enroladas em falcatruas.

É isso que garante a você transparência total das informações divulgadas. Como se diz vulgarmente, não temos o rabo preso com os ocupantes do poder.

Crusoé, uma ilha de independência no jornalismo brasileiro.

É uma revista direita e de direita.

Não se trata de um trocadilho gratuito.

Num país em que os mais torpes argumentos são usados para escamotear os cofres públicos…

fazer uma revista direitasignifica ser intransigente com os malfeitos, com a corrupção, o conchavo, o toma-lá-dá-cá, a incompetência…

Significa repudiar a velha política, aquela que foi derrotada em 2018 nas urnas.

Os representantes dessas práticas não têm colher de chá na Crusoé. Vale para Lula, para o PT, para o Renan…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s